Facebook
FoneFone: (49) 3323-5177 | (49) 3323-2122

Chapecó se despede do ex-prefeito Milton Sander

Chapecó se despede do ex-prefeito MIlton Sander.

Internado desde de 17 de dezembro, o ex-prefeito faleceu momentos antes da virada de ano, por insuficiência Crônica, aos 75 anos.

O Prefeito Luciano Buligon decretou Luto Oficial de três dias (DECRETO Nº 36.198) em todo o Município de Chapecó, em respeito ao passamento do ex-Prefeito, Milton Sander, ocorrido na noite de segunda-feira, momento antes da virada. (31/12/2018).

O corpo do ex-prefeito foi velado ao longo deste dia primeiro de janeiro, na Capela da Funerária Dom Bosco, de onde sei para o sepultamento no Cemitério Ecumênico de Chapecó.

Autoridades se manifestaram sobre o passamento do ex-prefeito Milton Sander. O vice-prefeito Élio Cella, lamentou o passamento de Milton Sander, e destaca o protagonismo do ex-prefeito conhecido como Dr. Asfalto. O Ex-prefeito José Caramori, se emociona ao falar do ex-prefeito, para quem deve ser lembrado pelo feitos a Chapecó. A Deputada Estadual reeleita, Luciane Carminatti, também se manifestou sobre o protagonismo do ex-prefeito Milton Sander, e destacou a liderança política exercida pelo ex-prefeito. A presidente em exercício da Federação Catarinense de Municípios, Sissi Bland, lamenta o passamento do ex-prefeito Milton Sander, e resgata a história de Sander na fundação da FECAM. Para A dirigente, Sander deixa um legado na vida publica. O Presidente da Câmara Municipal, Arestide Fidélis, destaca a visão de desenvolvimento de Milton Sander, e lamenta o passamento do ex-prefeito.O Prefeito Luciano Buligon, também lamenta o passamento de Milton Sander, de quem destaca o protagonismo como prefeito.

Milton Sander nasceu em 30 de abril de 1943 em Chapecó (Distrito de São Carlos). Estava aposentado. Sander foi uma liderança que marcou a história política de Chapecó por suas realizações. Foi Prefeito de Chapecó por dois mandatos (1977-1983 e 1989-1993).

Entre as principais obras em Chapecó estão:

– Asfaltamento: ficou conhecido como “Dr. Asfalto” em virtude das várias obras de pavimentação na cidade;

– Hospital Regional do Oeste (HRO);

– Aeroporto Municipal Serafim Enoss Bertaso;

– Terminal Rodoviário Municipal Raul Ires Pigatto Bartolamei, denominado em 1991;

– Monumento “O Desbravador” – inaugurado em 25 de agosto de 1981;

– Implantação da Escola de Artes de Chapecó, em 1979;

– Instituição do Troféu “O Desbravador”, em 1989;

– Criação e instalação do Museu Municipal Antônio Selistre de Campos em 25/08/1989.

Em 1986 foi candidato ao Senado, e em 1994, candidato a vice-governador na chapa de Ângela Amin. Em 1998, foi eleito Deputado Estadual pelo PPB com 28.884 votos, para o mandato 1999/2003. Em 2002 e 2006 foi novamente candidato a Deputado Estadual, ficando na suplência. Em 1996 e 2004 foi candidato a Prefeito.

Milton Sander ainda marcou história como Secretário Estadual de Santa Catarina em Brasília. Participou da fundação de grandes instituições: Associação Chapecoense de Futebol, Loja Maçônica Silêncio de Elêusis, FUNDESTE, FECAM (primeiro presidente, estando a frente da entidade de 1980 a 1982, e novamente entre 1989 e 1990), AMOSC (Presidente em 1981), da Confederação Nacional de Municípios – CNM,  da Confederação Latino-Americana de Municípios, com sede em Quito (Equador) e foi o primeiro presidente da Comissão do Mercosul da Assembleia Legislativa de Santa Catarina.

Dr. Milton atualmente residia em Chapecó. Era casado com Lerides Menta Sander, com quem teve um filho, Gustavo.



NEWSLETTER

Assine a nossa newsletter para receber as novidades da nossa Super Condá!


Fale conosco

Entre em contato conosco, envie suas sugestões.

(49) 3323-5177
(49) 3323-2122